O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, declarou que a humanidade está à beira da aniquilação nuclear. Hoje no mundo existem cerca de 14 mil unidades desse tipo de arma. 

O secretário-geral acrescentou que é a declaração de paz que deve ser uma prioridade para todos. Todos sabem quais problemas existem hoje e, portanto, precisamos começar a lidar com eles o mais rápido possível.

Guterres observou que as principais ameaças incluem a pandemia de coronavírus, a rápida mudança nas condições climáticas do planeta, bem como "terroristas operando no ciberespaço". Esses problemas devem ser enfrentados em primeiro lugar, porque podem causar graves consequências para toda a humanidade.

[Planeta]

 
});