No momento não há informações sobre quando a ISS deixará de funcionar, mas funcionários da NASA já começaram a preparar um plano para destruí-la. Em 2019, foi divulgado que a estrutura de 450 toneladas será enviada à atmosfera terrestre por meio de duas espaçonaves Progress, de propriedade da Rússia.

Há algum tempo, a Rússia confirmou que planeja deixar a ISS já em 2025. Apesar do plano de destruição já ter sido adotado pela NASA, nenhuma decisão específica foi anunciada. A NASA está atualmente em negociações ativas com seus parceiros para finalmente decidir sobre uma forma de desativar a ISS.

A Estação Espacial Internacional, que foi montada na órbita do planeta em 1998, tem uma vida útil curta. Apenas 30 anos. Isso sugere que ele deve parar de funcionar após no máximo 7 anos.

O plano, do qual a espaçonave Progress participa, foi proposto há 11 anos. A NASA recomendou melhorias para que a nave possa lidar com a tarefa. 

Para enviar a ISS para a atmosfera do nosso planeta, podem ser necessárias cerca de 9 toneladas de combustível de foguete. Depois de um incidente muito desagradável que aconteceu com o módulo russo "Ciência", representantes da NASA duvidam que o plano previamente aprovado seja capaz de trazer o resultado desejado.

[Planeta]

 
});