SpaceX será parte integrante do programa Artemis da NASA. Crédito da imagem: NASA 

NASA escolheu a SpaceX para construir o veículo de pouso que transportará os próximos humanos para a superfície lunar.

A empresa espacial de Elon Musk tem crescido cada vez mais nos últimos anos e agora deve se tornar uma parte muito mais integrante dos planos da NASA de devolver os humanos à lua.

A SpaceX venceu vários outros concorrentes ao contrato para construir o módulo lunar, incluindo Blue Origin, de Jeff Bezos, Lockheed Martin, Northrop Grumman e o empreiteiro de defesa Dynetics.

A decisão da NASA de conceder todo o contrato à firma de Musk rompe com a tradição, já que a agência espacial normalmente concede seus contratos a mais de um fornecedor.

"Parabéns à SpaceX, mas [estou] honestamente assustado com a NASA por ter um único provedor", escreveu o consultor sênior de política espacial Casey Dreier. "É claro que a SpaceX sempre age como se fosse uma competição constante consigo mesma. E está 100% entregue em sua capacidade e preço prometido até agora."

"Os EUA obterão um sistema de pouso lunar com capacidade humana por 13% do preço do hardware da era Apollo."

A NASA planejou originalmente pousar um homem e uma mulher na superfície da Lua em 2024, no entanto, parece altamente improvável que esse prazo seja realmente cumprido.

Mesmo assim, as coisas pelo menos continuam avançando.

"O pouso lunar de Artemis é uma peça chave para nossa estratégia lua-Marte", disse o administrador interino da NASA, Steve Jurczyk. "Hoje demos um grande passo em frente."

[The Guardian]
 
});