Há muitos rumores na internet sobre as consequências da vacinação, mas essa situação é real. Os médicos comentaram sobre o incidente, um homem da Virgínia foi recentemente vacinado contra o coronavírus. Depois de algum tempo, desenvolveu efeitos colaterais em forma de vermelhidão da pele, que se transformou em erupção, logo em seguida a pele começou a descamar.

Richard Terrell, de 74 anos, desenvolveu sintomas 4 dias após aplicar a vacina Johnson & Johnson, causando erupção cutânea e alterações na pele ainda desconhecidas.

Richard falou após a vacinação: “Eu tive dores nas axilas, uma erupção apareceu depois de alguns dias. Percebi que a condição da pele também mudou e começou a ficar vermelha. A erupção literalmente cobriu todo o corpo. E depois de 2-3 dias, a pele começou a descascar." Ao dobrar e endurecer os braços, o homem experimentou sensações dolorosas, a pele posteriormente começou a inchar e descamar.

O Dr. Fnu Nutan disse que inicialmente havia a suspeita de que o homem havia contraído uma infecção viral, mas esse diagnóstico foi descartado. Richard foi totalmente examinado e não encontraram o problema. Fnu Nutan chegou à conclusão de que a razão para tais alterações na pele é uma reação alérgica à vacinação.

[Planeta]

 
});