O cachorro viveu por várias horas e depois morreu, segundo a dona, ele nasceu devido à confluência de dois fatores:

1 - Foi a primeira vez que a cachorra deu cria. 

2 - Em segundo lugar, o animal já estava velho, engravidou na idade em que a menopausa canina estava para ocorrer. Tudo isso pode levar a mau funcionamento durante o parto dos filhotes.

O filhote doente não foi capaz de beber leite, o que causou naturalmente sua morte. A mulher decidiu não enterrar o animal, mas mumificar e guardá-lo em uma jarra de vidro, para depois mostrá-lo aos residentes curiosos.

 
});