Algo muito estranho está acontecendo nas ilhas Loyotte, essas ilhas estão localizadas no Oceano Pacífico e fazem parte do distrito administrativo da Nova Caledônia.

Nas últimas horas, pesquisadores registraram uma quantidade anormal de tremores que começaram a ocorrer algum tempo depois do principal terremoto, cuja intensidade atingiu 7,9 pontos. Os solavancos ficaram mais fracos, mas a distância entre eles é reduzida, e a força ultrapassa 5 pontos, algumas chegam a 6,4 pontos.

Vale ressaltar que os dois fortes tremores ocorreram longe do epicentro de atividade, que fica próximo às Ilhas Fiji. Isso pode indicar que a anomalia está aumentando gradualmente.

Ninguém cancelou o aviso sobre um forte tsunami. Pode acontecer a qualquer momento, pois os tremores são registrados no local onde ocorre a colisão da placa do Pacífico e da placa australiana. A ilha mais ameaçada pelo tsunami foi a Ilha Lord Howe, que fica perto do continente australiano.

Os pesquisadores dizem que as rochas quentes estão surgindo de uma profundidade de mais de 600 quilômetros sob a dorsal mesoatlântica. Ainda é difícil dizer aonde isso vai levar. Resta apenas observar o desenvolvimento dos eventos.

[Planeta]

 
});