1 de mai. de 2020


Um pequeno asteroide passou “raspando” pela Terra nesta terça-feira (28). A NASA informou que o 2020 HS7 chegou a ficar a uma distancia de 36.400 km do planeta. Isso representaria a altitude dos satélites em órbita geoestacionária.

O corpo rochoso foi descoberto neste ano e possui dimensões de aproximadamente 4 a 8 metros de diâmetro. O momento em que se aproximou mais da atmosfera terrestre foi às 15h51, no horário de Brasília.

De acordo com o Diretor de Defesa Planetária da NASA, Lindley Johnson, a passagem não chegou a representar um perigo para a Terra, por dois motivos: o primeiro é que não ficou em rota de colisão com o planeta; e o segundo consiste em seu tamanho muito pequeno, o qual seria desintegrado caso entrasse na atmosfera.

“Asteroides pequenos como o 2020 HS7 passam em segurança pela Terra algumas vezes por mês. Ele não representa ameaça ao nosso planeta, e mesmo que estivesse em rota de colisão, é suficientemente pequeno para ser desintegrado por nossa atmosfera.”


Lindley Johnson

Diretor de Defesa Planetária da NASA

O evento aconteceu um dia antes em que outro asteroide, o 1998 OR2 – muito maior que o 2020 HS7 –, também passou próximo à Terra. No caso deste, a aproximação chegou a ser transmitida ao vivo – no player abaixo:

A nova ocorrência acontece pouco mais de dois meses depois de o asteroide gigante 2002 PZ39 chegar perto do nosso planeta.











Com a Informação Space.

0 Comentários :

Postar um comentário