Mensagem Subliminar. | Resumo.

4 de jan. de 2020


O que é uma mensagem subliminar?


A  Mensagem  Subliminar  é  a  arte  da  persuasão  inconsciente.  Ela  trabalha  com  o
subconsciente  das  pessoas.  Dá­se  o  nome  de  mensagem  ou  propaganda subliminar  toda
aquela mensagem que é transmitida em um baixo nível de percepção, tanto auditiva quanto
visual.  Embora  não  possamos  identificar  esta  absorção  da  informação,  o  nosso
subconsciente  capta­a  e  ela  é  assimilada sem  nenhuma  barreira  consciente,  e  aceitamo­la
como se tivéssemos sido hipnotizados.
Por definição, subliminares são mensagens que nos são enviadas ocultas, abaixo dos
limites  da  nossa  percepção  consciente,  e  que  vão  influenciar  nossas  escolhas,  atitudes,  motivar  a  tomada  de  decisões  posteriores.  Subliminares são    mensagens  que  entram  na
nossa  mente  de  contrabando,  como  vírus  de  computador  que fica  inerte,  latente,  e só  é
ativado na hora certa.  Elas  se  dão  da  seguinte  forma:  o  tempo  todo  nós  estamos  tomando  decisões,  selecionando informações, e ao encontrar uma mensagem o nosso entendimento gasta um
certo tempo para discernir se ela é boa ou má, e logo depois se deseja aceitá­la como sua ou
colocar­se contraria a ela.

Quais os efeitos de uma mensagem subliminar?

A subliminar é colocada de forma que fica imperceptível a nossa visão  e  audição  mas  pode  ser  captada  pelo  nosso  inconsciente.  Quanto  mais  rápida  é colocada a mensagem menor é a capacidade de podermos escolher acolhê­la ou não, então ela entra livremente e fica gravada, influenciando­nos em outras decisões posteriores.  A  psicologia  defini  a  mensagem  subliminar  como  qualquer  estímulo  produzido
abaixo do limiar da consciência, e que produz efeitos na atividade psíquica ou mental. As  mensagens  ou  propagandas  subliminares  são  veiculadas  nos  mais  diversos  canais  de comunicação como TV, cinema, radio, historias em quadrinhos, revistas, RPG, fliperamas,  vídeo games, músicas, informática, teatro, jornais, outdoors, embalagens, bonecas, vitrines,  etc.
Mensagem subliminar é aquela que trabalha com o subconsciente das pessoas. A mensagem captada é assimilada sem nenhuma barreira consciente, assim, o indivíduo age não como se estivesse hipnotizado, pois ele não perde a consciência, mas sim, com tendências subjetivas para tomar certa atitude. 

É importante ressaltar que a mensagem subliminar trabalha unicamente com o subconsciente, portanto, qualquer impressão consciente que uma imagem provoca no indivíduo não pode ser considerada como mensagem subliminar. Em muitos casos, as pessoas tentam encontrar significados em mensagens que não possuem nada de mais. Esse mecanismo é chamado de auto-ilusão, onde uma pessoa costuma usar de seu conhecimento, vivências e suas opiniões pessoais para imprimir suas ideias naquilo que ela está analisando – a mensagem, mudando completamente seu sentido real. 

No Brasil, não existe nenhuma lei que proíba de forma direta qualquer tipo de propaganda subliminar, no entanto, a legislação acredita que a propaganda subliminar fere o que diz o artigo 20 do Código de Ética dos Publicitários, onde diz que todas as mensagens devem ser ostensivas e assumidas (explícitas). Assim, no contexto legal, a mensagem subliminar é vista como um elemento antiético e inconstitucional, visto que o espectador não pode usar seu direito de escolha por não estar consciente de sua existência.

Mas com qual objetivo?

Todo o mundo da publicidade se concentrou no resultado da experiência de Vicary. Contudo, Vicary afirmou em uma reportagem que havia sido forçado a divulgar aqueles resultados, ou seja, ele desmentiu os efeitos das mensagens subliminares. Depois do balde de água fria jogado pelo próprio fundador do conceito, vários cientistas continuaram tentando refazer a experiência de Vicary e comprovar os efeitos das mensagens subliminares, contudo nenhum obteve sucesso. Mesmo assim, o efeito psicológico causado pela repercussão da experiência foi suficiente para manter a fama das mensagens subliminares até os dias de hoje. 

0 Comentários :

Postar um comentário