Grandes obras literárias já foram adaptadas em filmes. Muitos desses livros acabaram se tornando mais populares e bem-sucedidos após serem adaptados e exibidos nos cinemas, é um fenômeno cada vez mais comum.

Embora existam inúmeras obras adaptadas ao cinema, há algumas que são realmente significativas e que ficaram na história e na memória dos seus espectadores. Aqui nós dizemos quais são as mais importantes.

ORGULHO E PRECONCEITO

O livro “Orgulho e Preconceito” é uma das obras literárias mais famosas do mundo. No entanto, o sucesso não ocorreu apenas na versão escrita, mas também na versão cinematográfica. Em seu enredo, a história é contada no início do século 19, em que cinco irmãs estão destinadas ao casamento para dar continuidade a legados e mandatos da época. A versão cinematográfica foi dirigida por Joe Wright, estrelado por Keira e Donald Sutherland.

O SENHOR DOS ANÉIS

O personagem Frodo Bolseiro transformou este romance em um clássico do cinema com uma série de filmes. A obra literária de fantasia foi escrita pelo inglês J.R.R Tolkien entre 1937 e 1949. Sua adaptação para o cinema foi dirigida por Peter Jackson, com o uso de efeitos especiais realmente incríveis e inéditos.

O PODEROSO CHEFÃO

Poucos sabem que este grande clássico do cinema é uma adaptação de uma obra literária, aconteceu algo particular, que a versão em filme superou a original. A adaptação do diretor Francis Ford Coppola foi um sucesso retumbante, levando essa história da máfia ao topo da ficção em todo o mundo. As atuações de Robert de Niro, Al Pacino e Marlon Brando tiveram muito a ver com esse sucesso, atores que se apegaram muito a esses personagens maravilhosos.

O NOME DA ROSA

O romance de Umberto Eco também teve sua bela adaptação para o cinema. Foi escrito em 1980, o filme foi feito seis anos depois por Jean-Jacques Annaud, o diretor francês de grandes sucessos. Neste caso, é um clássico e um sucesso tanto na sua versão literária como na sua adaptação para o cinema, sendo duas obras realmente excelentes.

PSICOSE

É mais um dos casos em que a sua adaptação ao cinema lhe deu mais popularidade do que a versão literária. Os personagens que ganharam forma nos atores Anthony Perkins e Janet Leigh deram-lhe um tom especial e fizeram-no um estrondoso sucesso entre as obras de terror e suspense. Mesmo após a morte do diretor Alfred Hitchcock, reversões e adaptações da mesma obra continuaram a ser feitas, embora nenhuma tenha alcançado o sucesso de sua versão de 1960.

[Grandes Medios]

 
});