Os valores e as boas maneiras estão aos poucos sendo perdidos, a prática da gentileza, respeito e honestidade muito comum nos tempos antigos têm sido ignorados; em contrapartida a falta de respeito e desonestidade vem ganhando cada vez mais espaço no século XXI.

 O princípio básico para uma comunidade ser próspera e justa é o senso de união, quando tanto um homem quanto uma mulher convivem sabendo os valores de que fazer o bem sem olhar a quem de maneira incomensurável contribui para a formação do caráter, sabidamente a comunidade tende a crescer no respeito mútuo.

 Automaticamente os valores serão transmitidos de pais para filhos, não só o respeito e honestidade serão enraizadas no caráter das gerações futuras como também formarão pessoas trabalhadoras, obstinadas nas causas corretas, cautelosas e obedientes a família.

 Não sabemos o porquê do espírito comunitário e as boas causas estarem sendo deixadas de lado, contudo ao verificarmos o presente tempo, com estes alicerces rompidos constatamos o quanto a humanidade está doente e corrompida, crianças, jovens e adultos completamente doentes moralmente. A falta de comoção, interesse, ou seja, apatia para com o próximo gradativamente cresce, nesse ritmo constante os seres humanos estão se tornando cada vez mais irracionais e as consequências podem ser desastrosas.

LeandroAB.25@gmail.com

 
});