A Igreja do Santo Sepulcro é o lugar onde, segundo os cristãos, Jesus foi crucificado e depois ressuscitado. A nova descoberta confirma a confiabilidade desses dados.

Tom Meyer, um estudante da Bíblia dos Estados Unidos, conseguiu encontrar a confirmação do fato, a atenção do cientista foi atraída pelos artefatos descobertos pelo arqueólogo Magen Brooches. As descobertas foram feitas em 1975, no lado leste do Templo do Senhor. A área de estudo foi de 9 sq. metros.

O objeto mais significativo é a imagem de um navio romano, feito em 330 DC. Sob o padrão criado na pedra, a inscrição foi deixada: "Senhor, nós fomos."

Segundo Meiner, a inscrição foi feita por peregrinos que visitaram o local da execução e ressurreição de Jesus. Como o Templo foi construído nos anos 325-326, os peregrinos simplesmente visitavam a área. Tudo isso confirma o fato de que o Templo foi erguido no local da execução do Senhor.

[Planeta]

 
});