O pássaro estava sentado em um pequeno poste e não se destacou no cenário geral quando um morador local o encontrou em meados de dezembro do ano passado.

A princípio, a mulher achou que fosse uma vara comum, mas na verdade se tratou de um pássaro fantasma que ficou famoso não só por sua aparência, mas também por seu grito terrível. O pássaro começou a gritar somente depois que a mulher se aproximou demais dela. Tudo isso aconteceu em uma das fazendas da Colômbia. É importante notar que os vizinhos disseram que já tinham ouvido tais gritos várias vezes antes.

O pássaro fantasma ou Grande Potou é mais ativo à noite. Durante o dia, via de regra, ele fica sentado imóvel em algum tipo de pilar e, após o pôr do sol, começa a procurar grandes insetos. O pássaro tem uma cabeça enorme e se parece um pouco com uma coruja, mas não tem parentes e pertence a uma espécie diferente. Na maioria das vezes, o Grande Potou mora na orla das matas e é muito difícil vê-lo, pois sabe se disfarçar e se integrar perfeitamente ao meio ambiente.

[Planeta]

 
});