O sol com cerca de 27 milhões de graus Fahrenheit ou 15 milhões de graus Celsius no seu núcleo, tem demonstrado uma pequena força em direção à Terra, e como nosso planeta está perdendo sua camada de ozônio que protege animais, plantas e seres humanos dos raios ultravioleta emitidos pelo sol, a susceptibilidade a enfermidades pode crescer.

 Apesar do ano de 2020 a camada de ozônio da Terra ter tido uma leve recuperação com a redução de emissão de gases, não é o suficiente para se regenerar. Décadas de destruição da proteção natural da Terra é um risco para a sobrevivência dos habitantes do planeta.

 A insistência de jogar poluentes no ar será trágico para as novas gerações que crescerá em um mundo de caos, a conscientização é a melhor forma de reverter a tragédia premeditada.

 Não deixando de mencionar outro fator assustador; a nossa estrela, o sol, está perdendo a sua força o que pode acarretar em uma nova era glacial em vários países; enquanto em outros as temperaturas vão subir, e isso pode acontecer em alguns anos, estudos estão indicando anomalias na estrela.

 
});