Vírus quase idêntico ao corona foi encontrado em mina abandonada há sete anos atrás. | Resumo.


O mais próximo conhecido do mundo em relação ao vírus Covid-19 foi encontrado em 2013 por cientistas chineses em uma mina abandonada, onde estava ligada a mortes causadas por uma doença respiratória do tipo coronavírus

Em agosto de 2012, uma pequena equipe de cientistas viajou para o sudoeste da China para investigar uma doença nova e misteriosamente letal. 

Depois de atravessar as plantações de chá em terraços, chegaram ao seu destino: uma mina de cobre abandonada onde em trajes de proteção brancos e máscaras com respirador se aventuraram na escuridão.

Instantaneamente, eles foram atingidos pelo fedor. 

No alto, morcegos empoleirados, sob os pés, ratos e aranhas percorriam camadas espessas de seus excrementos. 

Era um terreno fértil para microrganismos e patógenos mutantes mortais para os seres humanos. 

Havia um motivo para tomar cuidado extra. Semanas antes, seis homens que haviam entrado na mina haviam sido atingidos por uma doença que causou uma pneumonia incontrolável. Três deles morreram.

 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });