O eclipse solar no dia 21 de junho criará um "anel de fogo" no céu. | Resumo.


Estamos agora na segunda temporada de eclipses do ano e o próximo final de semana sediará o primeiro eclipse solar do ano. Quando a Lua gira nossa Terra e atinge o apogeu. Apogee é o ponto mais distante que a Lua vai de nós. Nesta posição, quando se coloca entre o Sol e a Terra, a Lua não bloqueia completamente o Sol. Um anel de luz é visível para nós na Terra nesse alinhamento.

Esse alinhamento está programado para 21 de junho de 2020. Será um eclipse solar anular com um anel de fogo. A Lua Nova será posicionada de forma a obstruir os raios do Sol a partir do centro, deixando um anel externo visível. Como a Lua cobrirá 99,4% do Sol no pico, testemunharemos o anel de fogo.

Esse anel de eclipse solar de fogo será visível principalmente nos países do leste, embora partes da Europa e da Austrália possam vislumbrar. Partes do Congo, República Democrática do Congo, Sudão do Sul, Etiópia, Eritreia, Iêmen, Omã, Paquistão, Índia, Tibete, China, Taiwan e Guam poderão testemunhar esse fenômeno raro.

O resto do mundo pode testemunhar o eclipse solar através de muitas transmissões ao vivo online. O Observatório Slooh  sediará uma festa virtual a partir da 1h EDT do dia 21 de junho. Você também pode definir um lembrete e voltar para assistir a cobertura ao vivo do eclipse  aqui.












Com a Informação TruthTheory.

 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });