Os túneis de Nova York e o tráfico internacional de pessoas. | Resumo.


Chamado de “Túnel do Inferno”, um caminho subterrâneo recém-descoberto estaria servindo para o tráfico de órgãos humanos e milhares de crianças foram resgatadas. A notícia surgiu em diversos canais do YouTube, se espalhando rapidamente também através das redes sociais e nos grupos do WhatsApp na primeira quinzena de abril de 2020. 

De acordo com o texto compartilhado juntamente com fotos de crianças mortas, o governo dos Estados Unidos teria descoberto, no dia 02 de abril de 2020, um túnel na cidade de New York que estaria ligando o porto da cidade até o prédio da Fundação Clinton.

Tomei conhecimento deste caso no feriado do dia 21 de abril, quando o amigo Elson Antonio Gomes me enviou um vídeo do YouTube falando do tema (confira o vídeo mais abaixo). Passei o dia procurando textos e relatos em fóruns como Reddit e 4chan a respeito do assunto, que de acordo com muitos sites não passa de uma Fake News. Nessa matéria traremos essa suposta notícia e a opinião de alguns veículos especializados em descobrir notícias falsas.

Mais abaixo vocês poderão conferir os dois lados deste caso e tirar as próprias conclusões a respeito do assunto.

A notícia dos túneis macabros de Nova York

A matéria a seguir foi publicada no site MCI Rádio e sintetiza um pouco o assunto tão discutido no YouTube nos últimos dias.

Enquanto o mundo discute sobre o COVID-19, a quarentena vertical e a horizontal, um assunto gravíssimo foi ignorado pelo mainstream midiático, pois esse tipo de informação você só encontra na Deep Web ou em veículos independentes. Trata-se da descoberta de um túnel subterrâneo na cidade de Nova Iorque, no dia 2 de abril, que vai do porto da cidade até o prédio da Fundação Clinton.

Nesse túnel, com diversas galerias gigantescas, havia milhares de crianças, muitas delas mortas, presas em grandes gaiolas. Não, você não leu errado. Milhares de crianças estavam presas como se fossem animais, com sinais de abusos sexuais e canibalismo. Cogita-se inclusive que muitas delas viravam alimento para as outras quando morriam.

Para socorrer essas crianças, o presidente americano Donald Trump enviou dois navios para o porto da cidade, chamados Comfort e Mercy, ambos contendo os melhores equipamentos hospitalares possíveis.


Essa bizarra notícia acende a luz amarela duas questões importantes: O tráfico de pessoas e a rede mundial de pedofilia. O envolvimento de figuras importantes no caso é impossível de ser descartado, dadas as proporções da estrutura encontrada. Além disso, o facto de o túnel desembocar no prédio da Fundação Clinton torna o caso mais intrigante ainda!

Abaixo os amigos e amigas poderão conferir um vídeo a respeito do assunto.


Notícia seria uma mentira?

Segundo o site E-Farsas, Nova York possui cerca de 2.000 pontes e túneis em toda a cidade, mas não encontramos nenhum novo túnel (ou recém-descoberto) que levaria à fundação Clinton.

Uma analisada no mapa da cidade de Nova York nos mostra que o porto da cidade e a sede da Fundação Clinton estão separados por quase 2 quilômetros, e o túnel – caso exista de verdade – teria que passar por baixo do mar. Nova York possui 4 túneis submarinos e nenhum deles liga o porto da cidade à Fundação Clinton!

O site Hoax-Net, especializado em desmentir notícias falsas que circulam em francês, averiguou que grande parte dos sites que espalharam essa história partiram de publicações feitas em blogs voltados para teóricos de conspirações na França.

Além do Hoax-Net, o site Rádio Canadá também se esforçou para tentar descobrir as origens dessa peça de desinformação (algumas versões afirmam que foram encontradas mais de 100 mil crianças, entre vivas e mortas) e concluiu que tratam-se de variações da Conspiração QAnon, uma teoria surgida em um grupo do 4Chan sobre um suposto ataque armado contra o presidente Donald Trump e seus apoiadores. Surgido em 2017, o suposto plano iria ocorrer naquele ano, mas como nada tem acontecido contra o presidente norte-americano, os conspiracionistas vem alterando a data até os dias atuais.

O jornal Le Monde publicou uma matéria onde também afirma que a notícia dos túneis são apenas uma invenção de conspiracionistas franceses.

A teoria afirma que o caos causado pela pandemia da COVID-19 foi cuidadosamente orquestrado pelo governo Trump como pretexto para forçar as pessoas a ficar em casa, onde serão forçadas a assistir à televisão, pois os outros canais de comunicação ficarão inoperantes.

Nas versões mais recentes, o tal “plano” (que ainda serviria para desviar a atenção dos americanos em relação à descoberta do túnel com 100 mil crianças) seria colocado em prática em março de 2020, quando um grande “apagão” cortaria a Internet e a telefonia móvel seriam cortadas, para que o presidente dos EUA ordenasse a prisão de centenas de milhares de americanos. Como isso não aconteceu, a data limite mudou para o domingo de Páscoa, 12 de abril de 2020.

Alguns sites e canais do YouTube trazem algumas imagens a respeito do caso, mostrando, inclusive, crianças engaioladas. Ainda segundo o site E-Farsas, essa colagem de fotos também não tem nenhuma relação com o suposto túnel, visto que elas já circulam na web desde antes de 2016, como podemos ver nessa publicação feita em dezembro de 2016. Na época, as imagens se espalharam como sendo de crianças que haviam sido raptadas para terem seus órgãos vendidos no mercado negro da Tailândia.



A verdade mesmo é que as crianças mortas nas imagens foram vítimas de um ataque químico ocorrido na Síria, em 2013, quando cerca de duas mil pessoas morreram.

Quanto à criança que aparece embrulhada em uma caixa de papelão, trata-se de uma garota de nove anos chamado Putri Nur Fauziah, que morreu em 2015, estuprada e brutalmente assassinada. Os assassinos colocaram a jovem já morta em um uma caixa e a jogaram numa lixeira da província de Kamal. Através de amostras de DNA, o assassino foi preso e condenado à morte!

E vocês o que acham desse caso? Acreditam que os achados sinistros são apenas uma conspiração ou que tudo foi verdade?










Com a Informação E-Farsas, MCI Rádio e Boatos.org.
 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });