Nova York Simulou uma Pandemia Grave um Mês antes de Wuhan. | Resumo.


21 de agosto de 2019 - O Johns Hopkins Center for Health Security sediará o Evento 201. Um exercício global de pandemia.

15 de outubro de 2019 - Players for Event 201, um exercício de pandemia, inclui líderes empresariais globais e líderes de destaque do governo e da saúde pública - Transmissão ao vivo aberta a todos

17 de janeiro de 2020 - O Centro Johns Hopkins para Segurança da Saúde, o Fórum Econômico Mundial e a Fundação Bill & Melinda Gates pedem cooperação público-privada para preparação e resposta à pandemia.

Evento 201

O Johns Hopkins Center for Health Security, em parceria com o Fórum Econômico Mundial e a Fundação Bill e Melinda Gates, sediou o Evento 201 um exercício de pandemia de alto nível em 18 de outubro de 2019 em Nova York, NY .

O exercício ilustrou áreas em que serão necessárias parcerias público / privadas durante a resposta a uma pandemia severa a fim de mitigar as conseqüências econômicas e sociais em larga escala.

Uma pandemia severa que se torna o "Evento 201" , exigiria cooperação confiável entre várias indústrias, governos nacionais e instituições internacionais importantes.

O cenário "Evento 201" simula um surto de um novo coronavírus zoonótico transmitido de morcegos a porcos e seres humanos que eventualmente se torna efetivamente transmissível de pessoa para pessoa levando a uma pandemia grave. O patógeno e a doença que causa são amplamente modelados na SARS.

Não haverá vacina no primeiro ano. O cenário termina no período de 18 meses com 65 milhões de Mortes quando 95% da população mundial foi exposta a esse vírus.

Quais são as chances de criar esse cenário na mesma mesa com os líderes mundiais e um mês depois acontecer de verdade?











Com a Informação Knowledge.
 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });