27 de mar. de 2020


Um asteroide passou próximo da Terra no início desta semana, a uma distância de 144.000 km, a passagem mais próxima de um planeta menor observado através de telescópios, disse um comunicado do observatório chinês.

O asteróide chamado 2020 FL2 passou pela Terra em 23 de março, de acordo com a International Asteroid Warning Network e o Minor Planet Center (MPC), sob a União Astronômica Internacional.

Pesquisadores do Observatório da Montanha Roxa da Academia Chinesa de Ciências descobriram o asteroide em 19 de março e o reportaram ao MPC. Em 22 de março, o objeto foi descoberto por 15 estações de observação internacionais.

A rocha espacial recém-descoberta pertence ao grupo de asteroides Apollo e tem um diâmetro estimado de cerca de 20 metros, disse Zhao Haibin do observatório na quarta-feira.

Este é o segundo asteroide descoberto pelo observatório neste mês que voou próximo da Terra.

Em 15 de março, outro asteroide passou próximo da Terra, a uma distância de 328.000 km.

Zhao disse:

Devido ao seu tamanho pequeno e ao voar da direção do Sol, o asteroide era mais difícil de observar do que outros.

Ainda segundo Zhao, o objeto foi descoberto pela primeira vez em 17 de março, dois dias depois de passar pela Terra.

O observatório então reportou ao MPC, que confirmou a descoberta e a designou 2020 FD2.

Segundo Zhao, o asteroide tem uma órbita especial, uma elipse de grande excentricidade, próxima das órbitas de Mercúrio, Vênus, Terra, Marte e Júpiter.








Com a Informação Xinhuanet.

0 Comentários :

Postar um comentário