29 de fev. de 2020


Uma tendência estranha na China tem deixado muitas pessoas ao redor do mundo aterrorizadas e com nojo, especialmente ativistas e defensores dos direitos dos animais.

Parece que na China as pessoas mantêm peixes vivos, tartarugas e muitos outros anfíbios como lembranças em seus chaveiros.

Em sacos plásticos que contêm água suficiente para os animais sobreviverem, além de uma pequena quantidade de oxigênio cristalizado e outros nutrientes. No entanto, os animais sobrevivem apenas por um período muito curto de tempo.

A única maneira de o animal sobreviver é tirá-lo do plástico, mas a maioria dos proprietários deixam os animais morrerem e depois os joga fora.

Segundo knowledge time esses chaveiros começaram a ficar em moda em 2012. No entanto, fontes como a PETA afirmam que esses produtos foram vistos em 2008.

Uma petição para pôr fim a este perturbador chaveiro já atingiu mais de um milhão de apoiadores.

0 Comentários :

Postar um comentário