Homem morre tentando provar a tese da Terra plana. | Resumo.


O entusiasta ávido da Terra plana, que havia se lançado duas vezes no ar a bordo de foguetes de seu próprio projeto e construção, tentava um terceiro lançamento ainda mais ambicioso no sábado (22), com o objetivo de atingir uma altitude de 5.000 pés (1.500 metros), antes de voltar de paraquedas para terra firme.


O lançamento, realizado fora de Barstow, no Condado de San Bernardino, Califórnia, começou de maneira promissora, mas as coisas pioraram quando um pára-quedas foi arrancado durante o voo.

Sem nada para impedir a queda do foguete, Hughes caiu no solo e morreu com o impacto.
Seu lançamento anterior, em março de 2018, viu dois pára-quedas desacelerarem sua descida, embora ele ainda tivesse impactado o solo com força considerável, resultando em uma pequena lesão nas costas. O objetivo final de Hughes era desenvolver seu foguete a ponto de poder ver a curvatura da Terra (ou a falta dela) usando um híbrido de foguete/balão de gás.
Cada voo sucessivo tinha sido essencialmente um trampolim para esse objetivo.
Science Channel (que documentava seu progresso) no Twitter, escreveu:
Michael ‘Mad Mike’ Hughes faleceu tragicamente hoje durante uma tentativa de lançar seu foguete caseiro.
Nossos pensamentos e orações são transmitidos a sua família e amigos durante esse período difícil. Sempre foi o sonho dele fazer esse lançamento e o Science Channel estava lá para narrar sua jornada.















Com a Informação Ovni Hoje.
 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });