outubro 06, 2019
0

O Androide Robo-C pode parecer com qualquer pessoa e imitar sua fala.
Imagine uma réplica de Michael Jordan vendendo uniformes de basquete e William Shakespeare lendo seus próprios textos em um museu!
Se você já imaginou um dia de folga se divertindo e não sabe como fazer sem que seu chefe perceba, um fabricante russo de robôs pode ter a resposta.
Uma réplica perfeita de você, que pode te substituir enquanto você tira uma folga, e ele pode até mesmo falar com sua voz.
Promobot, uma empresa por trás desse desenvolvimento, diz que o Andróide Robo-C tem uma pele artificial especialmente desenvolvida, com mais de 600 expressões faciais, e pode ser fabricado para se parecer com qualquer pessoa.
Aleksei Iuzhakov, presidente do conselho de administração da Promobot, disse em um comunicado:
Todos agora poderão solicitar um robô com qualquer aparência – para uso profissional ou pessoal.
Podemos construir um modelo linguístico baseado nas frases populares de uma pessoa em particular – o robô se comunicará e responderá a perguntas analisando expressões frequentes do ‘original’ e usando um determinado contexto de conhecimento dessa pessoa.
O modelo de demonstração do andróide Robo-C é supostamente modelado em Iuzhakov, mas tem uma semelhança mais próxima com Toby Maguire “danificado por uma queimadura”.
O co-fundador da Promobot, Oleg Kivokurtsev, disse à agência de notícias russa TASS:
O Robo-C é o primeiro androide humanoide no mundo que não apenas imita a aparência humana, mas também é capaz de se integrar nos processos de negócios.
Já criamos um protótipo e agora lançaremos uma série.
A empresa planeja construir 10 desses robôs por mês “com qualquer aparência, para uso doméstico ou profissional”.
Uma desvantagem, se você planeja usá-lo como seu substituto no trabalho, é que sua bateria interna funcionará apenas por 8 horas.
O Robo-C é programado com mais de 600 expressões faciais (Imagem: promo-bot.ai)
O fabricante de robôs planeja vender até mil robôs na Europa, até 2024.
Mas a Promobot não está imune de criar um golpe publicitário para chamar a atenção da imprensa.
Em 2016, eles divulgaram uma história de que um dos robôs em sua fábrica estava fazendo repetidas tentativas de fuga e, no início deste ano, afirmaram que um de seus robôs havia sido atropelado e ‘morto’ por um carro autônomo da Tesla.





Com a Informação Ovni Hoje.

0 Comentários :

Postar um comentário