Quando era criança meus pais costumavam me deixar no sofá assistindo tevê, havia algumas redes abertas de televisão que davam prioridade em suas programações para crianças, era fascinado pelos desenhos e tokusatsu japonês.

 Uma certa noite meus pais precisavam ir num mercado perto de casa, eles me disseram que não iria demorar muito, balancei a cabeça concordando sem problema. Foi nesta fatídica noite que aconteceu algo que ainda me deixa pensativo, estava assistindo a bandeirantes naquela época quando de repente a tela da tevê ficou colorida, do nada apareceu um boneco com uma arma de fogo segurando entre suas mãos de pano e conversando comigo.

 O boneco tinha um olho caído e a testa manchada de sangue, contei para alguns amigos que falaram que poderia ter sido o filme boneco assassino, mas não era porque conversava comigo, recordo que comecei a chorar e o boneco mandou parar, lembro que pulei da janela e corri até a casa da vizinha.

 Elas ficaram assustadas porque eu me tremia muito, não me recordo do que aconteceu depois, meu saudoso pai contara que eu fiquei com trauma de boneco por longos anos. 

 
});