Esta é a própria definição de uma relação não convencional. Crédito da imagem: sxc.hu

Uma mulher de Moscou se casou recentemente com uma pasta que ela 'conheceu' 5 anos atrás em uma loja de ferragens.

Rain Gordon, que trabalha como professora de creche, começou a se apaixonar por objetos inanimados ainda jovem, quando se apaixonou por um novo shopping center que foi inaugurado nas proximidades.

Desde então, ela se apaixonou - e se casou - com uma pasta de metal que chamou de 'Gideon'.

"A visão de Gideon fez meu coração pular", disse ela a Caters, como parte de um esforço para explicar seus sentimentos e enfrentar alguns dos estigmas envolvidos na ideia de amar objetos em vez de pessoas.

"Estou loucamente apaixonado por prata, reflexos de espelho e metal. As pessoas não entendem meus sentimentos. Disseram-me que estou doente e devo procurar tratamento. Não deixo que isso me ofenda mais."


"Não tinha ideia de que acabaríamos juntos. Admirei sua aparência, mas não pensei mais em nada. Mas então comecei a gostar de Gideon por mais do que isso. Aos poucos percebi que estava começando a me apaixonar."

De acordo com Gordon, ela teve um relacionamento anterior com um homem (humano), mas eles se separaram depois de dois anos.

"Quando confrontada com uma escolha entre ele e Gideon, escolhi Gideon sem qualquer hesitação", disse ela.

"Sempre o escolhi e sempre irei escolhê-lo. Para mim, os objetos - embora não goste muito de usar essa palavra - são realmente melhores do que as pessoas."

[Oditty Central]

 
});