Cientistas resolvem mistério de mortes em massa de elefantes. | Resumo.

Mais de 350 elefantes morreram. Crédito da imagem: CC BY-SA 3.0 Geir Kiste

Centenas de elefantes morreram misteriosamente em Botswana e os cientistas finalmente descobriram o porquê.

No início deste ano, as mortes inexplicáveis ​​de centenas de elefantes nos pântanos do Delta do Okavango em Botswana, África do Sul, deixaram os cientistas coçando a cabeça.

O país abriga um grande número de elefantes da savana - mais de 130.000 indivíduos - o que equivale a aproximadamente um terço da população restante da África.

O fato de os animais terem sido encontrados com as presas intactas sugeria que algo além da caça furtiva foi o responsável, porém não foram descartadas a possibilidade de alguém ter envenenado os animais.

Finalmente a resposta foi encontrada - descobriu-se que os elefantes morreram por ingestão de toxinas produzidas por cianobactérias que podem ser encontradas em poços de água.

“Nossos últimos testes detectaram que neurotoxinas cianobacterianas são a causa das mortes”, disse Mmadi Reuben, veterinário principal do departamento de vida selvagem e parques nacionais de Botswana.

"No entanto, ainda temos muitas perguntas a serem respondidas, como por que apenas os elefantes e por que apenas aquela área. Temos uma série de hipóteses que estamos investigando."

Funcionários do governo anunciaram que testes de poços de água em toda a região serão realizados durante a próxima estação chuvosa, em um esforço para evitar que o mesmo aconteça novamente no próximo ano.

Felizmente, por momento, o problema não afetou nenhuma outra espécie.


 
document.querySelectorAll('img').forEach(function(img) { img.src = img.src.replace('/s72-c','/s1600'); });