maio 25, 2019
0
Hexagrama unicursal não entrelaçado.

Os símbolos faz parte tanto de culturas Orientais como Ocidentais, ao longo do tempo foram transformados em diversos tipos de artes, existe símbolos que ao olho humano parece ser inofensivos, porém não são.

Na magia existe diversos hexagramas e na Bíblia o Senhor Deus também permitia que o povo de Israel usasse alguns artefatos para comunicar-se com ele, um exemplo é Urim e Tumim (do hebraico: אורים ותמים, luzes e perfeições).

O Hexagrama Unicursal mágico de Aleister Crowley é uma estrelas de seis pontas ou também representado em um círculo com os pontos de tocá-la.

O símbolo em si é o equivalente ao Ankh do antigo Egito, ou a Rosa-Cruz dos  Rosacruzes; que representa as forças do o microcosmo (o pentáculo, a representação do pentagrama com 5 elementos, o Pentagrammaton, YHSVH ou Yahshuah) se entrelaçam com as forças macrocósmicas (hexagrama, a representação das forças planetárias ou celestial cósmicas, o divino).

O hexagrama unicursal adaptado  é um símbolo importante em Thelema.


O hexagrama unicursal era parte do símbolo chamado de "O selo de Orichalcos" que foi destaque no Círculo para Acordar os Dragões de Yu-Gi-Oh! (1996-2004).

Um hexagrama unicursal aparece várias vezes na série de televisão Supernatural como um símbolo para afastar entidades do mal. Ele também foi destaque na temporada 8, em um episódio, com o símbolo significando a associação dos Homens de Letras.

É mencionado que ele está acima das portas para Atlantis.

O hexagrama unicursal foi capa do single "Drown" de Bring Me the Horizon .

Uma versão modificada do símbolo aparece na capa do quinto álbum de Mindless Self Indulgence.

Serve como um símbolo da fração do Inferno em Heroes of Might and Magic V.

O hexagrama unicursal tem sido usado pela banda Behemoth (banda) como parte dos adereços para suas performances ao vivo.

0 Comentários :

Postar um comentário