07:57:00
0

O governo chinês pediu hoje à comunidade internacional que seja moderada e busque reduzir as tensões depois que a Coreia do Norte classificou as últimas sanções impostas a Pyongyang pela Organização das Nações Unidas (ONU) como “ato de guerra” que viola sua soberania.
A porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da China, Hua Chunying, disse nesta segunda-feira que as nações precisam “exercitar o comedimento e fazer esforços positivos e construtivos para diminuir as tensões na Península (Coreana)”.
Na última sexta-feira, o Conselho de Segurança da ONU aprovou, por unanimidade, novas sanções contra a Coreia do Norte, pelo lançamento recente de um míssil balístico que Pyongyang alega ser capaz de atingir qualquer parte do território continental dos EUA.
Segundo Hua, a nova resolução da ONU enfatiza que é preciso “não infligir impacto humanitário adverso” aos norte-coreanos e não afetar as atividades econômicas regulares, assistência humanitária e atividades de missões diplomáticas na Coreia do Norte.



Com a Informação AP.

0 Comentários :

Postar um comentário