12:19:00
0

Uma tempestade espacial teria o poder de eliminar completamente a rede elétrica mundial, causando efeitos globais devastadores.
Uma tempestade mais devastadora, uma ejeção de massa coronal, pode enviar bilhões de toneladas de matéria, acelerando pelo espaço a mais de 1 milhão de quilômetros por hora.
Uma especialista revelou que, uma vez que uma ejeção em massa deixa o Sol, só teríamos 15 minutos até que ela atinja a Terra.
A gerente do programa meteorológico do Met Office, Catherine Burnett, disse ao The Mirror:
As ejeções de massa coronal podem viajar em qualquer direção a partir do Sol.
Se elas estão vindo em sua direção, seu tamanho significa que irão engolfar completamente a Terra.
Uma ejeção de massa coronal significativa levaria 19 horas para viajar até a Terra. Mas uma vez que virmos uma ejeção de massa coronal deixar o Sol, ainda não saberemos qual é a sua orientação magnética e se teremos algum impacto até 15 minutos antes dela chegar à Terra.
Não temos uma janela de previsão muito grande para saber que há algo no caminho.
As ejeções de massa são causadas por uma nuvem gigante de plasma que são disparadas pelo Sol no espaço.
A Terra não tem sido atingida por uma gigantesca tempestade solar desde meados do século XIX, mas acredita-se que as grandes tempestades atinjam o nosso planeta a cada 100 anos, de modo que poderíamos estar prestes a sermos atingidos por outra tempestade gigantesca.




Com a Informação Ovni Hoje.

0 Comentários :

Postar um comentário