12:21:00
0

O míssil balístico lançado pela Coréia do Norte na terça-feira viajou 10 vezes mais do que a Estação Espacial Internacional e duplicou a altura do satélite de baixa órbita mais alta, informou a NBC News citando o exército da Coréia do Sul.
O míssil balístico intercontinental Hwasong-14 durante seu teste nesta foto não datada divulgada pela Agência Coreana de Notícias da Coreia do Norte (KCNA) em Pyongyang, Coréia do Norte, 5 de julho de 2017. (KCNA / via Reuters)

O Norte disse que o míssil atingiu um alastro de 2.780 milhas e percorreu 590 milhas antes de atingir com precisão um alvo marítimo, semelhante aos dados de voo anunciados pelos militares da Coréia do Sul.

A estação espacial internacional orbita em 254 milhas. Os satélites que viajam em uma órbita terrestre baixa alcançam uma altura máxima de cerca de 1.200 milhas, de acordo com a NASA.
A Estação Espacial Internacional. (Domínio público)
A Coreia do Norte afirmou que testou um novo tipo de míssil chamado Hwasong-15 e se vangloriou de que o míssil tenha alcance para chegar a qualquer lugar nos Estados Unidos.

O regime comunista secreto afirmou que o míssil foi carregado com uma "ogiva pesada super-grande". Os analistas dizem que não há informações suficientes disponíveis para desconsiderar as reivindicações.

A Coreia do Norte lançou o míssil após dois meses e meio de silêncio relativo. Fora governos e analistas concordaram que o Norte deu um salto na capacidade de mísseis.

O presidente Donald Trump disse que falou com o líder chinês Xi Jinping sobre o último teste de mísseis da Coréia do Norte.

0 Comentários :

Postar um comentário