20:44:00
0

A Coreia do Norte possui armas biológicas em massa e possui capacidade de produzir outras, tendo inclusive feito uso de testes em humanos, de acordo com informações divulgadas pela mídia dos Estados Unidos no fim de semana, citando um relatório acadêmico.
Segundo o relatório divulgado em outubro pelo Centro Belfer da Escola Kennedy da Universidade de Harvard, Pyongyang já possui armas biológicas e suas instalações industriais são capazes de produzir essas armas, conforme comentou a Radio Free Asia.
É provável que o antraz e a varíola já sejam usadas como uma arma biológica", revelou o relatório. "Os soldados norte-coreanos são vacinados contra a varíola, assim como os soldados do Exército dos EUA estacionados na Coreia do Sul — contra a varíola e o antraz".
A Coreia do Norte teria pelo menos 13 agentes patogênicos em sua posse, incluindo botulismo, cólera e outras pragas, disseram os pesquisadores.
Os norte-coreanos usariam mísseis, drones, aviões, pulverizadores e vetores humanos para lançar mão de tais armas biológicas, afirmou o relatório. O documento também mencionou agentes humanos como um método de entrega plausível das armas biológicas, já que o país asiático tem 200 mil membros das forças especiais.
O estudo relembrou que a Resolução 1540, do Conselho de Segurança das Nações Unidas, foi aprovada em 2004 para evitar a proliferação de armas nucleares, químicas e biológicas. O conselho mantém o quadro para avaliação e realização de uma revisão anual.
Contudo, a Coreia do Norte é notória por não cumprir resoluções da ONU. O relatório acrescentou que a dificuldade em verificar a capacidade norte-coreana se deve, em parte, ao duplo uso dos equipamentos e instalações locais para a criação das armas.
Embora os programas nucleares possam ser monitorados pelo número de testes nucleares e o sucesso dos testes de mísseis, armas e cultivo de agentes patogênicos podem ficar invisíveis a portas fechadas", explicaram os autores.
"Além disso, os equipamentos utilizados para a produção de armas biológicas são muitas vezes de dupla utilização para a agricultura, tornando praticamente impossível o monitoramento e a verificação externos", concluiu o documento.
Tão grave quanto a suspeita sobre a produção de armas biológicas por Pyongyang é o relato de que humanos estão sendo usados nos testes de armas biológicas e químicas, conforme relataram desertores norte-coreanos.



Com a Informação Sputnik.

0 Comentários :

Postar um comentário