17:58:00
0

Os Estados Unidos concluíram que a Rússia sabia do ataque com armas químicas que foi realizada pela Síria com antecedência. Um oficial sênior afirmou que um drone operado pela Rússia sobrevoou um hospital enquanto as vítimas do ataque corriam para serem atendidas.

 De acordo com ele, o jato russo teria bombardeado o hospital horas após o drone deixar o local. Os americanos acreditam que a ação foi uma tentativa de encobrir o uso de armas químicas.

 Os EUA diziam não ter certeza se o drone era operado pela Rússia ou pela Síria. O oficial disse que não estava claro quem controlava o jato que bombardeou o hospital. Ele afirmou que o fato não pode ser tratado como uma coincidência e que a Rússia deveria saber que o ataque com armas químicas estava a caminho e que a busca por tratamento seria feita.

0 Comentários :

Postar um comentário