15:41:00
0

Os preços dos remédios deverão subir em até 4,76% após uma resolução do Conselho de Ministros da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed) autorizar o reajuste anual, que pode variar entre 1,36% a 4,76%. 

O Sindicato da Indústria Farmacêutica (Sindusfarma) informou, por meio de nota, que os índices de reajuste não repõem a inflação passada.

 “Do ponto de vista da indústria farmacêutica, mais uma vez os índices são insuficientes para repor os custos crescentes do setor nos últimos anos”, diz a nota. O reajuste poderá ser aplicado em cerca de 19 mil medicamentos do mercado varejista brasileiro.

0 Comentários :

Postar um comentário