13:05:00
0

A Rússia está em alerta diante da possibilidade de um “esmagador ataque nuclear americano surpresa” em seu solo.
A emissora de TV estatal RT citou um general russo, que disse que o sistema americano de mísseis antibalísticos (ABM) está “provocando uma nova corrida armamentista”.
O Ministério da Defesa da Rússia também alertou que a implantação do sistema pelos Estados Unidos é uma ameaça à segurança mundial.
O RT disse que Viktor Poznikhir, chefe de operações do estado-maior russo falou, numa conferência sobre o desarmamento em Genebra, sobre a “ameaça”.
“A presença do sistema global ABM reduz o limiar para o uso de armas nucleares, porque os Estados Unidos passam a ilusão da impunidade sobre o uso de armas ofensivas estratégicas sobre a proteção do ABM”.
“O ABM é um símbolo do acúmulo de forças nucleares no mundo e um gatilho para uma nova corrida armamentista”.
O RT diz que os oficiais russos afirmam que o sistema ABM “compromete a dissuasão da Rússia acerca de seu programa nuclear”.
O canal relatou que Poznikhir disse que os Estados Unidos “continuam a desenvolver o sistema sob o pretexto de combater a Coreia do Norte e o Irã, ignorando as preocupações da Rússia”.
Recentemente, os Estados Unidos implantaram o sistema de mísseis THAAD (Terminal de Defesa Territorial de Grande Altitude) na Coreia do Sul para testes de mísseis balísticos contra a Coreia do Norte.
O sistema está configurado para abater mísseis balísticos.
Poznikhir disse que o sistema ABM “já pode interceptar alguns mísseis e só se tornará mais e mais competente no futuro”.
Ele afirma que o desenvolvimento do sistema ABM pelos Estados Unidos “diminui as chances de diálogo sobre a redução dos armamentos nucleares”, relatou o RT.

Ross McGuinness
Yahoo News UK

0 Comentários :

Postar um comentário