02:34:00
0

Um navio espião russo foi detectado nesta terça-feira perto da costa leste dos Estados Unidos, o primeiro incidente deste tipo ocorrido desde a posse do novo presidente do país, Donald Trump, informaram fontes oficiais à emissora "Fox News".

Segundo a emissora, que cita como fontes dois funcionários do governo americano, a embarcação navegava a pouco mais de 110 quilômetros do litoral do estado de Delaware, no nordeste dos EUA, em direção ao norte, e com uma velocidade de 10 nós.

Apesar da proximidade com o litoral americano, de acordo com as fontes, o navio estava em águas internacionais.

O navio em questão, o SSV Viktor Leonov, é capaz de interceptar comunicações ou sinais dos serviços de inteligência, conhecidas como SIGINT. A última vez que ele esteve perto da costa dos EUA foi em abril de 2015, segundo a "Fox News".

A embarcação russa também pode medir a capacidade dos sonares da Marinha dos EUA e está equipado com mísseis terra-ar.

"Não representa uma grande preocupação, mas estamos de olho", afirmou um dos funcionários do governo à "Fox News".

A passagem do navio russo ocorreu depois dos testes de mísseis recentemente efetuados por Irã e Coreia do Norte, ambos condenados de forma veemente pelo governo de Trump.

No passado, navio espiões da Rússia navegaram em águas próximas à base de Kings Bay, no estado da Geórgia, no sul dos EUA, onde ficam os submarinos nucleares do país. 





EFE.

0 Comentários :

Postar um comentário