15:07:00
0

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) revelou à Polícia Federal (PF) que a nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Casa Civil, em março de 2015, evitaria seu impeachment. 

De acordo com informações da revista Veja desta semana, Dilma prestou depoimento à PF em 12 de dezembro, quando explicou o porquê da indicação de Lula. "Desde o início do segundo mandato, a declarante tinha interesse em trazer o ex-presidente Lula para integrar o governo. (...) A declarante acredita que, caso o ex-presidente Lula viesse a assumir a chefia da Casa Civil, como havia previsto, possivelmente não teria sofrido o impedimento", disse Dilma, segundo depoimento ao qual teve acesso a publicação. A ex-presidente explicou que não antecipou a nomeação de Lula - publicada em edição extra do Diário Oficial -, já que não se lembrava de tê-lo feito.

 "Rui Falcão [presidente nacional do partido] tinha intenção de fazer uma grande cerimônia, enquanto a declarante queria dar posse rapidamente ao ex-presidente Lula, com receio de que o mesmo hesitasse em ser nomeado", acrescentou. Na ocasião Dilma também negou ter articulado para tirar empreiteiros da prisão e para evitar a delação do ex-líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (ex-PT). 

0 Comentários :

Postar um comentário