16:57:00
0


Um jovem sob efeito de droga foi filmado se contorcendo e balbuciando palavras sem sentido em Detroit, Estados Unidos. O garoto não identificado estava deitado no chão no meio da calçada e revirava os olhos, fazendo movimentos com a língua. As pessoas que estavam no local acreditam que ele teria consumido um entorpecente chamado "Flakka", ou "droga do super-herói".

Em um vídeo feito pelas testemunhas, é possível ouvir a pessoa que está filmando dizer: “É por isso que você não deve usar drogas”, além de reforçar que o garoto estava deitado na calçada congelada a quase 0°C. A suposição é que o jovem estava usando a droga artificial que também é conhecida como "sais de banho".



Ainda no vídeo, o jovem sob efeitos de droga grita sons incompreensíveis, levando os pedestres ao redor a crer que ele estava falando em "Língua". De acordo com os cristãos, essa é uma habilidade que só é possível quando a pessoa está possuída pelo Espírito Santo.

Conforme o usuário permanece deitado no chão se contorcendo, o homem por trás da câmera diz que a ambulância já tinha sido acionada para lidar com a situação, mas passados 15 minutos não há sinal de que o socorro esteja a caminho.

“O cara estava muito chapado de alguma droga. Isso é realmente tudo que eu sei. Depois ele estava bem e até conseguiu rir da situação”, disse um dos pedestres que testemunhou o acontecimento.

Flakka


O estimulante sintético, que também é conhecido como "sais de banho", pode causar alucinações, raiva e força sobrenatural. Sua popularidade aumentou em 2014, fazendo com que a droga se tornasse proibida nos Estados Unidos. Seu maior atraente, entretanto, é o preço: é possível comprar um quilo de flakka por 1.500 dólares (cerca de R$ 4.800,00).
Em doses baixas, a flakka, assim como a cocaína e a metanfetamina, estimula a liberação de dopamina e norepinefrina. Ambas as substâncias afetam o humor, a ansiedade, o sono e a alimentação.

O grande perigo da flakka é que a dose típica é de 0,1 grama e pouco mais que isso já pode desencadear uma overdose. Por causa das propriedades altamente viciantes da droga, é comum que usuários usem mais de uma dose em um curto período de tempo, gerando efeitos controversos.

Um caso famoso do uso prejudicial da droga aconteceu em agosto de 2016, quando um garoto matou um casal e em seguida comeu a face de uma de suas vítimas. Aos 19 anos, ele responde por acusações de homicídio.











IG.

0 Comentários :

Postar um comentário