18:09:00
0

Lujovitsi (Rússia), 27 jan (EFE).- A Rússia apresentou nesta sexta-feira seu novo avião símbolo: o caça Mig-35, uma aeronave multifuncional de última geração que, segundo seus construtores, não encontra similares no mundo.
O novo avião de combate, que começará a ser produzido em série em 2019, foi exibido à imprensa no aeroporto de Lujovitsi, cerca de 140 quilômetros ao sudeste de Moscou.
A aeronave herdou a composição aerodinâmica do Mig-29 - um dos caças mais populares da quarta geração - dotada de tecnologia que a torna indetectável para os radares e que pode levar até sete toneladas de armas.
"É uma máquina de combate ótima para conflitos de alta intensidade", explicou na apresentação Sergei Korotkov, vice-presidente de Inovações da Corporação Aeronáutica Unida da Rússia (OAK, na sigla em russo).
Korotkov destacou que o Mig-35, por suas características, pode usar todo o espectro de armas existentes, inclusive as mais avançadas e aquelas desenvolvidas especialmente para caças pesados.
Segundo a fabricante Mig, seu novo caça leve foi concebido e adaptado para os mercados de 30 países, razão pela qual tem grande potencial de exportação.
"Os pilotos de vários países latino-americanos que tiveram a oportunidade de avaliar a universalidade do avião, sua capacidade de manobra e de combate deram uma alta nota a nossas tecnologias", disse o diretor-geral da Mig, Ilya Tarasenko.
"Necessitamos desta classe de aviões. Substituiremos toda a aviação leve com este tipo de aparato", disse durante a apresentação o comandante das Forças Aeroespaciais da Rússia, Víctor Bondarev.
"Graças a Deus, atualmente não há conflitos armados de grande envergadura, há apenas os locais, como o da Síria. Precisamos de aviões que precisamente possam cumprir essa tarefa, e os 3.500 quilômetros que pode voar o Mig-35 nos caem muito bem", acrescentou Bondarev.
Oficialmente, os voos de teste do novo caça Mig-35 começaram nesta quinta-feira e foram presenciados por meio de videoconferência pelo presidente russo, Vladimir Putin.
"É uma máquina realmente única", disse o chefe do Kremlin após ver o caça no ar.
O Mig-35 tem um raio de ação de combate de 1.000 quilômetros, pode desenvolver uma velocidade de até 2,25 Mach (quase 2.800 km/h) e alcançar uma altura máxima de 17.500 metros. 




EFE.

0 comentários :

Postar um comentário