14:19:00
0

A Netflix disponibilizou nesta semana a atualização do ranking mensal que avalia a velocidade e a qualidade de conexão do serviço em 48 dos 190 países onde a empresa opera. Para o mês de dezembro de 2016, a transmissão de dados mais rápida foi registrada na Áustria, marcando 4,33 Mbps. Isso significa que o episódio de uma série com cerca de 40 minutos leva aproximadamente 8 minutos para ser baixado. Dentre as menores médias, o pior resultado foi observado no México e na República Dominicana, onde a Netflix registrou 0,89 Mbps. Nesse cenário, o mesmo episódio de 40 minutos demora 37 minutos para ser transferido.
Confira a lista dos dez melhores colocados, e a posição do Brasil:
1º Áustria – 4,33 Mbps
2º Japão – 4,26 Mbps
3º Holanda – 4,23 Mbps
4º Bélgica – 4,21 Mbps
5º Dinamarca – 4,19 Mbps
6º Alemanha – 4,13 Mbps
7º Luxemburgo – 4,12 Mbps
8º Suíça – 4,09 Mbps
9º Hong Kong – 4,08 Mbps
10º Singapura – 4,04 Mbps

32º Brasil – 3,32 Mbps
Em um total de 48 países cujos dados foram disponibilizados pela Netflix, o Brasil aparece na 32ª posição, marcando 3,32 Mbps de velocidade. Na prática, em 10 minutos o usuário pode baixar um episódio de 40. Em comparação com alguns vizinhos da América do Sul, o país se encontra atrás do Chile e da Argentina, por exemplo, em 18º e 27º lugar, respectivamente.
A Netflix informou que a taxa foi verificada durante o horário nobre do serviço e que considerou a média de dados transferidos pelas operadoras utilizadas por seus assinantes, ao longo do processo de streaming, na unidade de megabits por segundo (Mbps). A empresa também esclareceu que aferiu a agilidade da conexão em todos os aparelhos compatíveis com os conteúdos do site.



Veja.

0 comentários :

Postar um comentário