08:44:00
0

Um grupo pró-Estado Islâmico fez um apelo para que apoiadores dos extremistas realizem ataques contra alvos como mercados e hospitais na Europa durante o período das festas e advertiu que muçulmanos fiquem longe de celebrações cristãs.
A ameaça se dá ao mesmo tempo que autoridades europeias intensificam a segurança depois do ataque, cuja responsabilidade foi assumida pelo Estado Islâmico, no qual um caminhão foi jogado contra um mercado de Berlim matando 12 pessoas neste mês.
A Fundação de Mídia Nashir, que dá apoio ao Estado Islâmico, divulgou a mensagem online acompanhada de imagens de combatentes com armas de fogo e facas, Papai Noel, renas e uma árvore de Natal, de acordo com o grupo de inteligência Site, com sede nos Estados Unidos, que monitora grupos militantes na internet.
"As celebrações deles, reuniões, clubes, mercados, teatros, cinemas, lojas e mesmo os hospitais são alvos perfeitos para vocês”, disse a mensagem para “lobos solitários” islâmicos na Europa.
Ela afirmou que o Estado Islâmico iria “substituir os fogos de artifício por cintos e dispositivos explosivos e transformar os cantos e as palmas em choro e lamento”.



Reuters.

0 Comentários :

Postar um comentário