02:24:00
0

Ao menos 19 brasileiros estão desaparecidos após fazerem a travessia da Bahamas em um barco que saiu do Caribe em direção a Miami. 

Segundo informações da rádio CBN, havia na embarcação ao menos duas famílias mineiras da região do Vale do Rio Doce, além de moradores do Pará e de Rondônia.

 Os ocupantes do barco tentavam entrar ilegalmente nos Estados Unidos. Segundo o Ministério de Relações Exteriores, a viagem ocorreu no último dia 6 de novembro e, desde então, os familiares não tiveram mais contato. Entre os desaparecidos está Márcio Pinheiro de Souza, natural da cidade de Sardoá, e Renato Soares de Araújo, da mesma cidade. 

Segundo a irmã de Renato, Marcilene Soares de Araújo, ele saiu no dia 29 de outubro de casa e estava atrás da mulher, que está nos Estados Unidos com o filho de quatro anos. É a segunda vez que ele tenta entrar nos EUA.

 Na primeira, tentou passar pelo México, foi detido e ficou preso por dois meses, e acabou sendo enviado para casa. De acordo com o Itamaraty, a embaixada brasileira em Nassau, capital das Bahamas, está em contato constante com familiares, autoridades do país caribenho e dos Estados Unidos. 

As guardas costeiras dos Estados Unidos e das Bahamas fazem buscas frequentes no percurso da travessia à procura de vestígios de um possível naufrágio. Não é descartada a prisão dos brasileiros nas Bahamas, mas não há registros dos desaparecidos em nenhuma penitenciária do país.

0 comentários :

Postar um comentário