12:53:00
0

Damasco comunicou à ONU casos de conivência da Jordânia no armamento de terroristas na Síria, em carta enviada ao secretário-geral e ao chefe do Conselho de Segurança.

O documento relata dois incidentes ocorridos em maio. Um deles se refere a grupos terroristas armados, ligados a um grupo de jovens sunitas, que teriam transportado uma carga da Jordânia para a cidade síria de Bostra, na qual se incluíam armas, equipamento militar e artilharia. Outro diz respeito à entrega de 14 veículos, provenientes da Jordânia.


Um representante de Damasco disse que “as ações do regime da Jordânia e o seu apoio direto aos grupos terroristas na Síria são violações dos princípios do direito internacional”.

A Síria já tinha enviado cartas à ONU acusando as autoridades da Arábia Saudita, Turquia e Qatar de organizarem ataques terroristas em uma série de cidades da Síria.




Sputnik.